Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Noticias > Jornal Gazeta do Povo: Professor do CDSA fala sobre migração de atividades criminosas
Início do conteúdo da página
Notícias

Jornal Gazeta do Povo: Professor do CDSA fala sobre migração de atividades criminosas

  • Publicado: Terça, 04 de Agosto de 2020, 11h06

Em matéria, publicada no jornal Gazeta do Povo, o professor do Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido da UFCG, José Maria da Nóbrega Pereira Júnior, fala sobre a migração das atividades criminosas e aponta dados sobre o aumento da criminalidade relacionado a essa migração.

A matéria intitulada "Como as plantações de maconha ajudaram a espalhar o crime pelo país e chegaram à Amazônia" aborda que dados da Polícia Federal (PF) de 2019 e 2020 sugerem que o alcance geográfico de plantios do tipo pode estar aumentando, chegando aos estados do Maranhão e do Pará e penetrando a floresta amazônica.

Segundo Nóbrega, a expansão do processo migratório da criminalidade para o Norte e o Nordeste fica evidente até mesmo por meio dos números da criminalidade em cada região. “Se pegarmos um histórico dos últimos 20 nos da violência no Brasil, vamos ver como as taxas de homicídio na região Sudeste diminuíram, e como aumentaram no Nordeste. Enquanto no Sudeste vinha caindo, no Nordeste vinha crescendo. O gráfico é até interessante: enquanto há um crescimento da série histórica no Nordeste, no Sudeste se dá justamente o inverso. Um dos fatores dessa inflexão é o processo migratório”, observa. [recorte do texto no jornal Gazeta do Povo]

Leia a matéria completa em: https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/plantacoes-maconha-espalhar-crime.

Assimp CDSA/UFCG

registrado em:
Fim do conteúdo da página